Você sabe o que é capital natural?

Considerado uma metáfora para os recursos naturais quando vistos como meio de produção, o capital natural representa a junção de todos os recursos que os ecossistemas têm a oferecer: água, terra, alimento, minerais, entre outros. Estes recursos são fruto de um sistema extremamente complexo e completo, chamado biodiversidade.

flickr.com / Keith Bryant O capital natural simboliza todos os recursos que o ecossistema proporciona para nós.

A sustentabilidade, portanto, deve ser prioridade no que diz respeito aos meios utilizados na indústria. Quando há esgotamento ou uso excessivo de fontes naturais, os sistemas de suporte de vidas essenciais e dos ecossistemas são colocados em risco. Neste contexto, cabe às fontes naturais renováveis fornecer um fluxo contínuo de produtos e serviços.

Em contraste com os capitais renováveis, os recursos não renováveis são extraídos sem um fluxo contínuo de produtos e serviços, uma vez que são esgotáveis. Os combustíveis fósseis e minerais são os exemplos mais comuns deste tipo de capital natural. Produtos como petróleo bruto, quando extraídos da terra e consumidos, não podem ser repostos.

A consciência das consequências do uso de recursos renováveis e não renováveis, juntamente com o desejo de exercer a sustentabilidade, tem provocado o surgimento da bioeconomia, também chamada de economia ambiental. Em geral, a bioeconomia se concentra em estudar o quanto de capital natural é necessário para manter um determinado padrão de vida.

 

Compartilhe:

Entre em Contato com a Fragmaq

Quer conhecer nossos equipamentos e serviços ou compartilhar alguma dica sobre sustentabilidade? Preencha o formulário e envie sua solicitação. Nossa equipe está à disposição para ouvi-lo.