Existem usinas solares no Brasil?

© Depositphotos.com / magann A maior usina solar do país está situada na cidade de Campinas, estado de São Paulo.

A resposta para esse questionamento é simples: sim. E a maior usina solar em funcionamento no país está situada na cidade de Campinas, estado de São Paulo.

Uma usina solar pode ser definida como uma estrutura que consegue produzir energia elétrica a partir da energia do sol (energia fotovoltaica). A energia fotovoltaica é gerada por meio de células solares, obtida através de painéis fotovoltaicos capazes de criar uma diferença de potencial elétrico entre os terminais a partir da luz, ou seja, a conversão da luz solar em eletricidade.

Em atividade desde o começo de 2013, e com investimentos na casa de R$ 13,8 milhões, a usina solar de Campinas utiliza a energia fotovoltaica (energia solar) para fornecer energia elétrica à população.

O projeto dessa usina solar no interior de São Paulo tem como objetivo ampliar o conhecimento em relação a energia fotovoltaica, fazendo com que o país seja cada vez menos dependente de usinas hidroelétricas.

Outra entidade que participa do projeto é a Unicamp (Universidade de Campinas), responsável pela realização de pesquisas para a melhoria do funcionamento técnico e comercial da usina.

O projeto é, na verdade, uma grande inovação, visto que, no Brasil, a utilização de energia solar é habitualmente aplicada apenas a pequenos projetos, como em indústrias de pequeno porte e residências.

Um grande entrave para a aplicação da energia solar em território nacional é o seu alto valor econômico, visto que em relação à energia proveniente de hidroelétricas, a energia solar é economicamente inviável.

Especialistas garantem que, somente com muitos estudos e pesquisas científicas de qualidade, será possível o aprimoramento e a aplicação da energia solar em larga escala e a um preço, tanto de investimento, quanto de retorno, acessível.

Pelo Brasil, outros projetos de construção de usinas solares já estão em fase de pesquisas, sendo uma delas uma usina de pequeno porte que será instalada no Parque Villa-Lobos, na capital paulista, e a outra, uma rede de energia solar utilizada para a construção do estádio Itaquerão.

Compartilhe:

Entre em Contato com a Fragmaq

Quer conhecer nossos equipamentos e serviços ou compartilhar alguma dica sobre sustentabilidade? Preencha o formulário e envie sua solicitação. Nossa equipe está à disposição para ouvi-lo.