Ecoeficiência: 6 exemplos que definem o conceito

tonefotografia / iStock / Getty Images Plus A ecoeficiência é essencial para preservação do meio ambiente, redução de gastos e para a imagem das organizações.

Ecoeficiência é o nome dado às atitudes industriais que se baseiam na sustentabilidade. Para ser mais específico, são ações que permitem o oferecimento de produtos e serviços a preços justos, ao mesmo tempo em que reduzem o impacto ambiental negativo associado à sua produção. Trata-se do modo mais inteligente de utilizar recursos naturais de forma reduzida, sem que isso comprometa os resultados esperados.

Cada vez mais empresas tentam se enquadrar dentro do conceito de ecoeficiência. Essas atitudes são de suma importância para a preservação do meio ambiente, redução de gastos e para a imagem da marca, visto que o público tende a preferir consumir bens sustentáveis. Para que algo seja considerado ecoeficiente, é fundamental que esse produto atenda às necessidades humanas e provoque aumento na qualidade de vida.

Vale destacar, porém, que a ecoeficiência não diz respeito apenas a produtos prontos, mas também engloba as medidas tomadas pela empresa durante a produção. Para entender melhor do que estamos falando, dê uma olhada nesses exemplos de ecoeficiência:

6 exemplos de ecoeficiência

Geração de energia alternativa

Fontes alternativas de energia permitem economia e são renováveis, oferecendo pouca agressão ao meio ambiente. Energia eólica (gerada a partir do vento), solar (proveniente dos raios solares), geotérmica (obtida do calor das camadas profundas da terra) e biogás (gases de decomposição de resíduos orgânicos) são algumas possibilidades de energia alternativa.

Tratamento de resíduos

Há uma série de resíduos sólidos provenientes da produção industrial. Uma empresa ecoeficiente deve fazer o máximo para reduzi-los, reciclá-los e reutilizá-los sempre que possível.

Compostagem

A compostagem é um conjunto de técnicas que têm como objetivo estimular a decomposição de materiais orgânicos. Ao utilizar esse procedimento, a empresa está não apenas realizando a reciclagem de todo o lixo orgânico.

Trocar equipamentos não sustentáveis

As máquinas de produção são responsáveis por boa parte dos problemas ambientais de uma empresa. Substituir os equipamentos por outros que resultam em menos agressão ambiental é uma atitude ecoeficiente. A utilização de equipamentos de fechamento automático durante a utilização de água são um excelente exemplo de equipamento que ajuda a economizar e reduzir a escassez de água.

Criar políticas de reflorestamento

Atitudes ecoeficientes não precisam se restringir à produção imediata. O desmatamento é um dos grandes transtornos causados por diversas indústrias ao longo dos anos, e o replantio é uma necessidade geral. Indústrias de móveis e de celulose são as que mais se beneficiam do reflorestamento, mas a responsabilidade é de todos.

Criação de políticas sociais

Da mesma forma que a ecoeficiência se estende para ações de reflorestamento, ela também pode se estender para a comunidade em torno da empresa. É possível envolver a sociedade na busca pelo desenvolvimento sustentável, contando com um esforço conjunto e ao mesmo tempo estabelecendo uma relação de confiança entre a empresa e o público. Campanhas de conscientização e transparência são algumas das peças-chave para isso.

Compartilhe:

Entre em Contato com a Fragmaq

Quer conhecer nossos equipamentos e serviços ou compartilhar alguma dica sobre sustentabilidade? Preencha o formulário e envie sua solicitação. Nossa equipe está à disposição para ouvi-lo.